Dicionario

Dicionario

Você provavelmente já precisou saber o significado de alguma palavra, sinônimos para ela, ou até mesmo como escrevê-la corretamente. Nestas horas, o nosso amigo dicionário vem muito a calhar, quer você use um dicionário comum, em formato de livro com centenas de páginas e milhares de significados, ou um dicionário leve, que cabe na memória do seu celular.

Um dicionario nada mais é do que um compilado de vocábulos, termos e palavras de uma língua específica (ou mais, no caso de dicionários de tradução – bilíngues e plurilíngues). Os dicionários brasileiros possuem cerca de 100.000 palavras, mas a cada ano são adicionadas palavras novas ou interjeições que caem no uso popular.

Em um dicionário geral, cada palavra pode ter vários significados. Alguns dicionarios incluem cada significado separado pela ordem de uso, enquanto alguns ordenam os significados em uma ordem histórica, do mais antigo para o mais novo.

Em muitas línguas, as palavras podem aparecer de várias formas distintas, mas apenas a forma não conjugada aparece por primeiro na maioria dos dicionários.

Dicionários tem o objetivo de definir o sentido das palavras e exibir sua forma ortográfica correta; informar a origem das palavras; manter o sentido gramatical (pronomes, verbos, etc), ou outros aspectos (número, gênero, grau); auxiliar no estudo de uma língua estrangeira e contribuir para a existência de uma língua.

Os vocábulos são normalmente exibidos em ordem alfabética, com o(s) significado(s) ao lado. Dicionarios de duas línguas contêm também a tradução e alguns possuem também a leitura fonética, que é como se deve pronunciar a palavra.

Hoje, existem dicionarios mais específicos, como de medicina, artes ou computação. Eles trazem termos direcionados a estudiosos ou profissionais das áreas definidas.

No final do século XX, surgiram modelos digitais de enciclopédias – assim como os dicionarios e glossários -, em CD-ROM, como a Works & Encarta e a até hoje usada Wikipedia. Esta tecnologia permitiu o acesso mais rápido aos artigos e também a tradução simultânea de qualquer palavra ou assunto.
Websites dicionarios como a Wikipedia, possuem acesso livre ao público (código-aberto e licença livre), para edições conforme desejado, o que muitas vezes diminui a qualidade, mas em contraponto, existem pessoas que se especializam em analisar artigos e declarar se o conteúdo é útil ou não.
A Wikipedia foi desenvolvida por Jimmy Wales e Larry Sanger, sob o sistema Wiki (que significa “rápido”, em havaiano), tendo sido lançada na internet em janeiro de 2001.

Atualmente, as editoras de dicionários mais focadas no público jovem, estão adicionando termos provenientes da internet, como os em inglês “download”, “tweet”, “sexting” (sexo via mensagens de celular) e “cyberbullying”, e do português “piriguete” e “tuitar”. Termos existentes, depois da internet, ganharam mais definições, como os termos “baixar”, “ficar” e “seguidor”.

Há pouco tempo, o pedido da então líder do Brasil, Dilma Rousseff, para incorporar o termo “presidenta” (feminino de presidente) ao dicionario refletiu para reintegrar a palavra no manual.

Por fim, independente do modelo de dicionario que você usa, sempre vai ser uma “mão-na-roda” ter este auxiliar por perto.